Parque 13 de maio

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

Localizado entre as ruas da Saudade, João Lira, Princesa Isabel e do Hospício, no limite dos bairros de Santo Amaro e da Boa Vista, Recife, o Parque 13 de Maio é a maior concentração de área verde da cidade, com pista de Cooper, pequeno zoológico, parque infantil e vários monumentos. Em seu entorno, estão alguns prédios centenários, como o da Faculdade de Direito do Recife (a primeira do país) e a sede da Câmara de Vereadores. Teve sua construção iniciada em 1892, na gestão do governador Alexandre José Barbosa Lima. Em 1939, foi transformado em parque pelo então prefeito Antônio Novaes Filho.

O local onde o Parque 13 de Maio foi construído era, até o século XIX, um terreno de manguezais pantanoso chamado Ilha do Rato. Seu projeto paisagístico inicial pertenceu ao engenheiro inglês William Martineau e data de 1860. Em 1875, o engenheiro francês Emile Beringuer elaborou outro projeto para o parque. Sua construção teve início durante o governo Barbosa Lima (18921896), porém se estendeu por décadas, e só foi inaugurado em 30 de agosto de 1939, para abrigar o III Congresso Eucarístico Nacional.

[smartslider3 slider=12]

 

O Parque 13 de Maio consiste de uma grande área verde no bairro de Santo Amaro, Recife, Pernambuco, Brasil. Ao ser inaugurado, media 6,9 hectares, perdendo, depois, terreno para a construção da Biblioteca Pública de Pernambuco e das instituições educacionais: o Instituto de Educação de Pernambuco e o Colégio Estadual do Recife.

Localização

R. Mamede Simões, 111 – Boa Vista, Recife – PE, 50050-570

Flora

No Parque 13 de Maio podem ser encontradas árvores de várias espécies, arbustos e ervas tropical: dendezeiros, palmeiras imperiais, palmeiras leque, paus-brasil, flamboyants, acácias, fícus-benjamim, paus d’arco, jaqueiras, mangueiras, sapotizeiros, jambeiros, abacateiros, bambus, macaibeiras, barrigudas etc.

Fauna
Estrutura

O parque também abriga algumas esculturas e bustos de pernambucanos. Ali estão:

Bustos de: Faria Neves SobrinhoDantas BarretoPereira da Costa

Esculturas: Monumento aos cantadores, em cimento, de Abelardo da Hora; Vendedor de caldo de cana, de Abelardo da Hora; Monumento à homeopatia, homenagem-propaganda à homeopatia, com o nome de médicos homeopatas Hahnemann (fundador da homeopatia) e três médicos da família Sabino Pinho, introdutores e divulgadores da homeopatia no Nordeste do Brasil; Homenagem à FEB, um monumento em linhas modernas.

Edificações: Fica no Parque 13 de Maio o prédio da Câmara Municipal do Recife, onde antes fora instalada a Escola Normal do Recife.

Entorno

Nos seus arredores, encontramos:

Ao norte, em terrenos que antes já pertenceram ao parque, a Biblioteca Pública Estadual, o Instituto de Educação de Pernambuco, o Colégio Estadual do Recife;

Ao leste estão o Ginásio Pernambucano e a Assembléia Legislativa de Pernambuco;

Ao sul, encontra-se a Faculdade de Direito do Recife, na Praça Adolfo Cirne, no vizinho bairro da Boa Vista.

 

[maxbutton id=”1″ ]

Veja também

Praça Dezessete

A Praça Dezessete homenageia os heróis da Revolução Republicana de 1817. A origem de seu